8

FACIT e SEBRAE estabelecem parceria para fomentar a educação empreendedora

Cada vez mais o mercado de trabalho requer profissionais autônomos, empreendedores, com competências múltiplas, capazes de trabalhar em equipe com habilidades para aprender e adaptar-se a situações diversas, promovendo assim transformações e vencendo desafios.

Buscando preparar seus acadêmicos para essa realidade contemporânea, a FACIT – Faculdade de Ciências do Tocantins fechou uma parceria com o SEBRAE – Serviço Brasileiro de Apoio às Micros e Pequenas Empresas/TO, para através de convênio implantar em todos os cursos da Instituição o Programa de Educação Empreendedora do SEBRAE Nacional.

Com a parceria, a FACIT passará a ofertar a disciplina de empreendedorismo no ensino superior, na qual será utilizada a metodologia especialmente desenvolvida pelo SEBRAE NACIONAL, com base na avaliação dos problemas e carências na área de administração dos empreendimentos levantados através de grande pesquisa de abrangência nacional realizada pelo SEBRAE. A disciplina foi desenvolvida especialmente para os estudantes de graduação de qualquer curso ou área de conhecimento.

A FACIT fez a adesão ao projeto do SEBRAE,  comprometendo-se a abrir as portas da instituição, para o SEBRAE. O primeiro passo será capacitar os professores da faculdade na metodologia para que eles, após esta capacitação, trabalhem com seus alunos os conteúdos de empreendimentos, com o acompanhamento e consultoria da equipe de consultores do SEBRAE. Todos os materiais de estudo e aprofundamento, tanto para os professores quanto para os alunos será fornecido gratuitamente pelo SEBRAE.

Segundo o consultor do SEBRAE, Luciano Almeida Ferreira, do projeto Educação Empreendedora no Tocantins,  o projeto terá duração estimada de dois anos e meio na instituição, sendo que o início será ainda neste semestre.

O professor Eugênio Piva, coordenador do curso de Administração enaltece a parceira, dizendo da importância para os futuros profissionais de todas as áreas de formação acadêmica terem conhecimentos sólidos sobre a administração de sua futura carreira profissional e seu “próprio negócio”, pois cada profissional precisa administrar bem seu projeto de vida.

Para a diretora geral da FACIT, professora mestre Ângela Maria Silva, a parceria será fundamental para a preparação dos estudantes da instituição, em especial os alunos de Administração no Núcleo de Práticas Gerenciais. “Na sociedade atual é primordial que o profissional saiba agir estrategicamente no campo econômico e social, sendo fundamental o desenvolvimento do empreendedorismo”, revelou a professora mestre Ângela Maria Silva.

Educação Empreendedora

Com o projeto Educação Empreendedora, professores e alunos da FACIT, além das competências próprias de cada curso, terão a possibilidade de desenvolver a competência empreendedora, permitindo assim a consequente inserção destes no ambiente profissional de maneira mais sustentável.